As coisas que gente branca gosta

Standard

Data mining, ou mineração de dados, se preferir, é a minha nova paixão. Na verdade é mais uma recaída que uma paixão nova. Nos anos dourados de 1998 eu estudava mineração de dados com o mesmo afã que um adolescente dispensa a gatinha do lado.

Estando apaixonado, tenho paquerado, namorado e me envolvido com a razão da minha paixão. Faço isso como voyeur, olhando, admirando muito mas ainda fazendo pouco. Muito pouco. Notou o ainda?

De qualquer forma, entre uma olhadinha safada e outra, encontro algo que interessa.

OkCupid é um site de encontros fundado por gente depravada, matemáticos de Harvard. Sendo coisa de matemático, não dava para ficar só no encontro de perfis. Eles resolveram minerar. E minerando criaram um blog interessantíssimo:  okTrends

O objetivo é: Minerando a base de associados do okCupid, encontrar relações inusitadas que nos permitam conhecer um pouco melhor o relacionamento entre pessoas, seus gostos e atitudes. Não se engane, a maior parte das pessoas que assinam é norte americana, então, podemos até extrapolar mas, o dados são de e sobre norte americanos.

Escrevi esta missiva para, além de indicar o okTrends, destacar um resultado deveras interessante que destaca os interesses por grupo étnico, considerando as palavras que eles usam em suas próprias descrições. Ressalta, a olhos vistos a grande diferença cultural que permeia a sociedade americana entre os nichos sociais e culturais que ainda são delimitados pela etnia. Assustador.

 

oktrends

Você pode ver o resultado em The Real Stuff White People Like

E por falar em mineração, notou o plugin, que minera o texto do DePijama? Não? Olhe mais para baixo!

As coisas que gente branca gosta by

Deixe uma resposta